Siga-nos:

Comunitária Cultura

 

 

 

 

 

Atividades oferecidas em 2019

 

MODALIDADE

TURMA

DIA

HORÁRIO

LOCAL DA ATIVIDADE

VAGAS

Artes Circenses

 T1 - EF1 (1º e 2º ano)

2ª e 4ª feira

18h40 às 19h40

Mezanino 

Vagas disponíveis

Artes Circenses

T2 - EF1 (1º e 2º ano)

3ª e 5ª feira

13h20 às 14h20

Mezanino 

Vagas disponíveis

Coral

T1 - A partir do 2º ano do EF1

4ª feira

18h20 às 19h50

Sala EF1

Vagas disponíveis

Coral

T2 - A partir do 2º ano do EF1

5ª feira

18h20 às 19h50

Sala EF1

Vagas disponíveis

Música (Novo)

T1 - a partir do 3º ano EF1 2ª feira 13h30 às 14h30 Sala de Música Vagas disponíveis

Música (Novo)

T2 - a partir do 3º ano EF1 2ª feira 14h30 às 15h30 Sala de Música Vagas disponíveis

Música (Novo)

T3 - a partir do 3º ano EF1 2ª feira 18h30 às 19h30 Sala de Música Vagas disponíveis

Música (Novo)

T4 - a partir do 3º ano EF1 2ª feira 19h30 às 20h30 Sala de Música Vagas disponíveis

Música (Novo)

T5 - a partir do 3º ano EF1 3ª feira 14h30 às 15h30 Sala de Música Vagas disponíveis

Música (Novo)

T6 - a partir do 3º ano EF1 3ª feira 19h30 às 20h30 Sala de Música Vagas disponíveis

Música (Novo)

T7 - a partir do 3º ano EF1 5ª feira 14h30 às 15h30 Sala de Música Vagas disponíveis

Música (Novo)

T8 - a partir do 3º ano EF1 5ª feira 19h30 às 20h30 Sala de Música Vagas disponíveis

Música (Novo)

Grupo 1 - Banda 5ª feira 13h30 às 14h30 Sala de Música Vagas disponíveis

Música (Novo)

Grupo 1 - Banda 5ª feira 18h30 às 19h30 Sala de Música Vagas disponíveis

Street Dance

T1 – Misto

2ª e 4ª feira

18h às 19h

Sala Espelhada

Vagas disponíveis

Street Dance

T2 – 2º ao 5º ano EF1

2ª e 4ª feira

19h às 20h

Sala Espelhada

Vagas disponíveis

Street Dance

T3 – 2º ao 5º ano EF1

3ª e 5ª feira

18hàs 19h

Sala Espelhada

Vagas disponíveis

Street Dance

T4 – a partir 6º ano EF2

3ª e 5ª feira

19h às 20h

Sala Espelhada

Vagas disponíveis

Teatro

T1 – 3º ao 5º ano

3ª feira

13h às 14h30

Sala de Teatro

Vagas disponíveis

Teatro

T2 – 6º e 7º ano

3ª feira

14h30 às 16h

Sala de Teatro

Vagas disponíveis

Teatro

T3 – 6º e 7º ano

3ª feira

16h15 às 17h45

Sala de Teatro

Vagas disponíveis

Teatro

T4 – 3º ao 5º

5ª feira

18h30 às 20h

Sala de Teatro

Vagas disponíveis

Teatro

T5 – 6º ao 9º ano

5ª feira

18h45 às 20h15

Sala de Teatro

Vagas disponíveis

Teatro

T6 – 6º ao 9º anos

5ª feira

13h30 às 15h

Sala de Teatro

Vagas disponíveis

Teatro

T7 – EM

5ª feira

15h às 16h30

Sala de Teatro

Vagas disponíveis

Teatro
 

T8 - EM 5ª feira 18h às 19h30 Sala de Teatro Vagas disponíveis

Tecido Acrobático

T1 – a partir do 3º ano EF1

2º e 4º feira

17h30 às 18h30

Mezanino

Vagas disponíveis

Tecido Acrobático

T2 - a partir do 3º ano EF1

2º e 4º feira

19h às 20h

Mezanino

Vagas disponíveis

Tecido Acrobático

T3 - a partir do 3º ano EF1

3ª e 5ª feira

17h30 às 18h30

Mezanino

Vagas disponíveis

Tecido Acrobático

T4 - a partir do 3º ano EF1

3º e 5º feira

19h às 20h

Mezanino

Vagas disponíveis

Tecido Acrobático

T5 - a partir do 3º ano EF1 6ª feira 18h30 às 19h30 Mezanino Vagas disponíveis

Yoga (Novo)

T1 - EF2/EM 6ª feira 14h às 15h Sala Espelhada Vagas disponíveis

Yoga (Novo)

T2 - EF2/EM 6ª feira 17h às 18h Sala Espelhada Vagas disponíveis

Dancehall (Novo)

T1 - EM 6ª feira 14h20 às 15h20 Mezanino Vagas disponíveis

Dancehall (Novo)

T2 - EM 6ª feira 17h às 18h Mezanino Vagas disponíveis

 


 

Descrição das atividades da Comunitária Cultura

 

Artes Circenses

Como manifestação cultural, instiga o aluno pela novidade, desafio, diversão e vertigem, por meio de atividades que motivam, integram e valorizam o respeito ao corpo e ampliam o repertório cultural, entendendo a prática circense como manifestação artística e social integrante do patrimônio da nossa cultura.

As modalidades circenses abrangem malabares, acrobacias, aéreos, jogos teatrais, mímicas, dança e expressão corporal, além da experiência do trabalho em grupo, uma vez que a maioria dos exercícios necessita da ajuda de um companheiro. Nas aulas de circo são desenvolvidas as capacidades físicas de força, flexibilidade, resistência e velocidade, além das habilidades motoras especificas como equilíbrios (estático e dinâmico), lateralidade, noção espacial (sinestesia), coordenação motora fina e óculo – manual, dentre outras. Isso sem contar o desenvolvimento afetivo, social, atitudinal, como controle da ansiedade, desinibição e aprendizado em grupo. 

Participações:

  • Sarau Circense - encontro entre instituições que dialogam com os mesmos princípios educacionais e pedagógicos da ECC, para uma troca de experiências, através de uma mostra coreográfica criada exclusivamente pelos alunos, desde a escolha da música, do figurino e dos elementos coreográficos. Os professores, nesse contexto, são mediadores do processo de criação.  Pais, amigos e familiares são convidados a prestigiarem o trabalho dos alunos.
  • Festival Artístico – apresentação de final de ano organizada pelos professores das modalidades extracurriculares.

 

Coral 

O Coral COMUNICANTO da Escola Comunitária de Campinas é uma atividade extracurricular aberta a todos os alunos a partir do 2º ano do Ensino Fundamental. O coral está em atividade desde 2006 e possui as seguintes características:

  •  Alunos de várias faixas etárias aprendem juntos, através de situações didáticas adequadas, a conviver e a participar de um grupo musical desenvolvendo a oralidade, a desinibição, as técnicas básicas do canto feito em grupo, a formação cultural no contato com peças variadas, a socialização, a cooperação musical, a criatividade e a percepção sensível da arte do canto coral.
  • Jogos musicais, atividades rítmicas combinando corpo e voz, vocalizes para soltar, suavizar e afinar o canto e vídeos didáticos sobre canto coral estão entre os instrumentos de trabalho utilizados.
  • Além de canções da cultura musical brasileira e internacional, outras composições e arranjos também são produzidos especialmente para o Coral, muitas delas combinando as vozes com percussão corporal, flautas, xilofones e outros instrumentos.
  • Cada coralista faz uso de uma pasta onde guarda as músicas do repertório.
  • Alguns eventos fazem parte da programação do Coral, como o tradicional “Dia da Bicicleta” e a participação no festival artístico de final de ano.

 

Dancehall (Novidade)

Dancehall é um estilo musical popular jamaicano, com uma grande influência do reggae, onde se popularizou no final dos anos 70 e conquistou o mundo, espalhando-se para os EUA, Reino Unido, Canadá, Japão, Europa e mais além.
A popularidade do Dancehall gerou para seu público movimentos de uma dança energizante em suas festas e performances acrobáticas de palco. Muitos movimentos de dança vistos em vídeos de hip hop são variações de danças do Dancehall.
Similarmente aos outros estilos de dança, o Dancehall desenvolve a coordenação motora, equilíbrio, flexibilidade, força e musicalidade, além da autoestima e autoconfiança.

Música (Novidade)

Todos concordamos quando o assunto é a importância da música no aprendizado, principalmente quando nos focamos na vivência cultural proporcionada por esta. Para além disto, estudos recentes mostram como o aprender um instrumento influencia positivamente o desenvolvimento cognitivo e motor. No entanto, a revolução tecnológica - contemporânea a infância das novas gerações - tem gerado um declínio cada vez maior no número de crianças que se interessam em aprender um instrumento e se engajam no processo. Já há 7 anos, nós da Escola Pontuada trabalhamos buscando compreender as mudanças necessárias no fazer educacional, muitas vezes apegada a tradicionalismos que já não se comunicam com as novas gerações. Ao longo desse tempo nos aproximamos da pedagogia construtivista e, como resultado dessa pesquisa, integramos a criação de projetos às aulas de instrumento. 

Ofereceremos quatro opções: violão, baixo, piano ou bateria. O curso acontecerá em 2 momentos na semana: no primeiro, o aluno terá aula em grupos de 4 a 6 alunos de um dos 4 instrumentos de sua escolha, desenvolvendo habilidades técnicas específicas deste. No segundo momento, o aluno se juntará a outros estudantes de música para a criação de um projeto usando as habilidades adquiridas em sala de aula além de outras, trabalhadas em conjunto. 

Para que as aulas possam acontecer na Escola Comunitária, a Pontuada fornecerá os instrumentos que são mais complexos de serem transportados: teclados e baterias. Para as aulas de piano teremos um instrumento de teclas pesadas (piano digital) e outros menores e mais portáteis com teclas semi pesadas (waterfall). Para as aulas de bateria teremos um instrumento acústico e outros instrumentos de prática, que são pads dispostos no posicionamento da bateria para que os exercícios em sala possam ser estudados simultaneamente por vários alunos. É importante ressaltar que estes instrumentos serão para o momento da aula. Os alunos e suas famílias são responsáveis por terem seu próprio instrumento para estudo semanal. Para as aulas de violão e baixo será necessário que os alunos tragam seus próprios instrumentos de casa, já que estes são, de fato, mais portáteis que os dois mencionados anteriormente.

 

Street Dance

O conjunto de estilos da dança de rua recebe o nome de Street Dance. Esses estilos se desenvolvem na realidade gestual do indivíduo, através de movimentos coordenados e harmoniosos, o que faz do corpo uma forma de comunicação.

O Street Dance é uma dança criada, inicialmente, pelos breakers. Foi desenvolvida nas disputas e performances de suas festas. Trata-se de um estilo de vida com vestimenta, música e linguajar próprios. Pode ser dividido em três categorias: música (Rap - DJ's e MC's), artes plásticas (grafite) e dança (street dance - vários estilos).

O street dance é uma modalidade na qual as crianças aprenderão movimentos específicos, desenvolvendo:  flexibilidade, coordenação motora, musicalidade, acrobacias de chão, agilidade e força, além de conhecer a cultura e filosofia desta arte.

Os estilos/modalidades desenvolvidos em aulas são:

  • Locking: criado por Don Campbellock, na cidade de Los Angeles (Estados Unidos), em finais dos anos 1960; originado do Funk, especificamente de um passo chamado Funky Chicken.
  • Brooklyn Rock (Up Rocking): criado por dançarinos (Rockers), Rubber Band e Apache, entre 1967 e 1969, no bairro do Brooklyn, na cidade de Nova York (Estados Unidos), como movimentos de disputa.
  • Popping: criado por Boogaloo Sam, nascido em uma pequena cidade da Califórnia, Fresno. O dançarino possuía, no início dos anos 1970, seu grupo de Locking, quando em meados de 1975 passou a criar seu estilo próprio, e seu grupo, antes chamado de Electronic Boogaloo Lockers, tornou-se Electric Boogaloos. Movimento caracterizado pela contração muscular.
  • Boogaloo: também criado por Boogaloo Sam na mesma época, ao observar o andador de um homem velho pela rua e seu movimento. Caracteriza-se por movimentos circulares do quadril.
  • B-Boying ou B-Girling (Breaking): surgido entre os anos de 1975 e 1976, no Bronx (Nova York). O Break Boy ou Break Girl veio do termo Break/B. (trecho de música, na maioria das vezes instrumental, que valorizava mais a batida e a linha de baixo). Ficaram conhecidos como B.Boy e B.Girl, os garotos e garotas (dançarinos), por dançarem no break da música.
  • Freestyle (estilo livre): originado em meados de 1980 na chamada Golden Age (Era de Ouro). Tal nome se deve ao fato de esse estilo/modalidade de dança ser baseada em toda a forma de Social Dance ou Street Dance. Trata-se da modalidade mais frequente na mídia hoje, em Videoclipes de música Rap, R&B e Pop (filme Honey de 2003). Não é dançada somente no acento rítmico da batida, mas também nas convenções vocais e instrumentais da música.

Participações:

  • Kids on the floor – encontro entre as turmas de Street Dance da Escola, onde os alunos criam as suas danças e performances, para uma mostra interna em que pais, amigos e familiares são convidados à assistirem.
  • Sarau – encontro entre instituições que dialoguem com os mesmos princípios educacionais e pedagógicos, para uma troca de experiências da modalidade.
  • Festival Artístico – apresentação de final de ano organizada pelos professores das modalidades extracurriculares.

 

Tecido Acrobático

O tecido acrobático é uma modalidade originalmente circense de acrobacia aérea executada em um longo tecido suspenso na maioria das vezes pela metade e com as duas pontas penduradas O tecido acrobático (também chamado de ballét aéreo, tecido circense ou simplesmente tecido) é um aparelho aéreo que tem muitos indícios de ser originário da corda indiana, contudo existem evidências também que sua origem poderia ter se dado na China anos antes dos primeiros relatos da prática de corda.

Os movimentos no tecido acrobático exigem de seu praticante não apenas força, mas um conhecimento e controle sobre seu corpo e mente. O aluno praticante de tecido antes de tudo precisa de uma mente rápida, capaz de se manter centrada na execução das sequências de travas, poses e quedas.

São objetivos gerais da modalidade:

  • aprender e executar as técnicas do aparelho tecido acrobático com segurança;
  • utilizar as técnicas de escaladas, travas, truques e quedas para realizar sequências propostas pelos professores;
  • ser capaz de compor sequências e coreografias, utilizando os conhecimentos construídos em aula;
  • participar dos ensaios e dos eventos propostos pela escola, mesmo que opcionais, para que haja uma melhora no desenvolvimento da modalidade;
  • desenvolver o Projeto Individual (P.I.) que consiste em criar uma coreografia utilizando o conhecimento construído nas aulas sobre travas e truques. Este projeto poderá ser apresentado em aula aberta aos pais, podendo ser filmado para compor parte do portfolio da modalidade.

São objetivos complementares da modalidade: 

  • Criatividade - o aluno terá liberdade para construir o conhecimento, desde que não interfira na segurança da aula e nem no direito dos colegas da turma de aprender. Será possível ao aluno explorar as diversas montagens de truques existentes, além disso, como a modalidade é aberta (sem regras para execução de coreografia), é possível ao aluno criar movimentos únicos, sob a supervisão do professor.
  • Segurança - no processo de ensino e aprendizagem do aparelho tecido acrobático existem alguns riscos de quedas, enforcamentos, queimaduras e torções que podem ocorrer devido ao uso inadequado do aparelho. Por isso, respeitar e cumprir as regras de segurança trabalhadas pelos professores são requisitos fundamentais e primordiais para a preservação da integridade física.
  • Responsabilidade - o aluno é responsável por cumprir os combinados da aula (elaborados por eles em conjunto com o professor), além de ser responsável também pelo seu material de aula, que consiste no uniforme (camisa de manga, calça e cabelo preso).

Participações:

  • Sarau Circense - encontro entre instituições que dialogam com os mesmos princípios educacionais e pedagógicos da ECC, para uma troca de experiências, através de uma mostra coreográfica criada exclusivamente pelos alunos, desde a escolha da música, do figurino e dos elementos coreográficos. Os professores, nesse contexto, são mediadores do processo de criação.  Pais, amigos e familiares são convidados a prestigiarem o trabalho dos alunos.
  • Festival Artístico – apresentação de final de ano organizada pelos professores das modalidades extracurriculares.

 

Teatro 

O teatro será mais uma oportunidade de estimular a criatividade de maneira lúdica e divertida. A arte teatral contribui com a socialização e desinibição dos alunos (das crianças), oferecendo experiências sensíveis e artísticas numa convivência em grupo. Ao longo do curso, os alunos (as crianças) exercitarão, sempre de forma colaborativa, as possibilidades de expressão corporal e vocal, diversos exercícios cênicos, jogos de improviso e interpretação, jogos teatrais, a construção de personagens, a criação de cenas e as relações de palco e plateia. É prevista apresentação ao final do curso.
 

Estúdio Cênico Escola de Teatro

A Escola de Teatro Estúdio Cênico, localizada na cidade de Campinas, oferece há 17 anos cursos livres de teatro para diversas faixas etárias.  Fundada e coordenada pelos pedagogos e arte educadores Cris Carvalho e Eduardo Meira de Vasconcellos (ex-aluno e professor da ECC), a Escola conta com uma equipe de professores especializada em teatro educação.

A Estúdio Cênico desenvolve metodologia que possibilita ao aluno aprender teatro por intermédio de jogos lúdicos, dinâmicas de grupo que contribuem com a socialização e a desinibição, atividades que desenvolvem a expressão corporal e vocal, exercícios de improvisação cênica e interpretação, com apresentações finais de processo, experimentando esse universo criativo, colaborativo e artístico inerente ao teatro.

Cada faixa etária é trabalhada de maneira singular, respeitando as características das idades e proporcionando ao aluno, além do conhecimento técnico do teatro, valores como: responsabilidade, autonomia, coletividade, respeito, igualdade e desenvolvendo seu lado crítico e estético, bem como o desenvolvimento de suas relações intra e interpessoais.

O compromisso da Estúdio Cênico é de ensinar o teatro para todos, independentemente se querem seguir carreira ou não, pois acredita que o teatro, assim como todas as formas de arte, amplia o olhar do indivíduo para o outro, para si mesmo e para o mundo.

 

Yoga (Novidade)

A origem do yoga se deu aproximadamente há 5.000 anos, na antiga Índia. Trata-se de um complexo sistema de preceitos éticos e práticas físicas, respiratórias e meditativas que buscam trazer uma plena integração entre corpo e mente ao aluno.

Dentre seus comprovados benefícios encontram-se a redução da ansiedade e do estresse, o aumento da capacidade de concentração, da empatia, da autoestima, do sono e a melhoria geral da saúde.

Benefícios da prática de Yoga no ambiente escolar

A prática de Yoga pode trazer calma e clareza em momentos de grande estresse ou ansiedade por parte de alunos, como às vésperas de provas ou do vestibular. Por melhorar a capacidade de concentração e a disciplina, ela pode ser uma grande aliada do processo de ensino-aprendizagem ao longo de todo o ano letivo. Por proporcionar maior autoconhecimento, pode também auxiliar os alunos na hora de tomar decisões importantes. Por estimular a percepção de si mesmo, do outro e do ambiente, pode levar a uma relação mais saudável entre alunos e professores, melhorando o ambiente escolar como um todo.

Fonte: www.yoganaescola.com.br

 

Saiba Mais:

Inscrições

Valores da anuidade e formas de pagamento

Informações dos Materiais e Uniformes  

Clique aqui para ver os eventos do Extracurricular


Todos os direitos reservados ECC Desenvolvido por W2F Publicidade